TE e TUSD são duas tarifas mensais cobradas na conta pelo uso da energia no seu negócio.

Tarifa é o valor, em reais, fixado pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) pago pelo consumidor pela energia ativa. Sendo assim, o consumo é cobrado pela soma das tarifas – TE e TUSD – aos tributos que incidem sobre cada tipo de contrato, tais como PIS, COFINS e ICMS.

Diferença entre TE e TUSD
O sistema de fornecimento de energia é composto por três partes: geração, transmissão e distribuição. Cada uma dessas etapas é administrada de forma independente, por isso há uma taxa que corresponde ao pagamento de cada um desses serviços.

TE
A TE é a Tarifa de Energia é o valor determinado pela Aneel em R$/MWh referente ao consumo de energia .

A TE refere-se ao consumo de energia que foi utilizada ou desperdiçada durante o mês. Portanto, seu aumento ou diminuição é consequência direta de quão eficiente está a gestão energética dentro da sua empresa.

TUSD
A TUSD é a Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição, determinada pela Aneel, e, como o próprio nome sugere, trata-se do valor em R$/MWh ou R$/kW cobrado pelo uso de sistema de distribuição. Ou seja, nessa tarifa estão incluídas as despesas geradas no caminho da energia desde a fonte até o consumidor final.

Os sistemas de distribuição de energia são formados por alimentadores em média e baixa tensão, conectores, bem como subestações, postes e transformadores, que compõem as etapas de transmissão, sub-transmissão e distribuição do sistema de fornecimento de energia. Portanto, todas as despesas geradas em qualquer fase da distribuição são refletidas na TUSD.

Por que são apresentadas separadas?
O método de fixar o valor da tarifa pela ANEEL é chamado de modicidade tarifária. Assim, deve ser ofertada a energia ao consumidor, pelo menor valor possível desde que proporcione equilíbrio financeiro ao concessionário.

O objetivo principal da Aneel é apontar ao consumidor, de forma clara, o quanto está pagando em cada parte dentro do sistema de geração e distribuição de energia.

Dessa forma, concessionárias e distribuidoras são obrigadas a trabalharem de forma mais transparente em relação às informações apresentadas na conta de energia.

Uma resposta

Os comentários estão desabilitados.